Como começar sua clínica de nutrição – parte 1

Bastante impulsionada pelo aumento da preocupação com a saúde e o bem-estar, a área da Nutrição têm crescido bastante nos últimos anos. Para quem está entrando neste mercado, existem muitas as possibilidades de trabalho, mas abrir uma clínica de nutrição pode ser uma boa escolha para profissionais habilitados que desejam empreender. No entanto, é comum que no início surjam muitas dúvidas sobre como começar e, por isso, trouxemos aqui um passo a passo para quem está pensando em entrar neste mercado. Confira!

1 – Obtenha a autorização

Para trabalhar como nutricionista não basta apenas ter concluído o curso superior. Em todo o território nacional o exercício da profissão só pode ser feito por profissionais inscritos nos Conselhos Regionais de Nutricionistas (CRN). A inscrição é feita na região em que o profissional trabalha ou mora, mediante apresentação de diploma devidamente registrado e a documentação constante nos sites dos CRNs.

2 – Ache um bom local

A escolha do ponto ideal para a abertura de uma clínica envolve deve considerar critérios como localidade, perfil dos pacientes, concorrência e facilidade de acesso. Quando estiver procurando um lugar para instalar a clínica, veja se o acesso por transporte público é adequado e se existe facilidade para estacionar nas imediações.

Pense também na infraestrutura. O imóvel deverá estar de acordo com a proposta da clínica e possuir espaço para uma possível expansão – caso isto faça parte dos seus planos futuros. Atente-se ao conforto tanto térmico quanto acústico do local. Uma opção para quem não quer gastar muito é sublocar salas ou espaços em spas e academias.

3 – Escolha o nome da clínica

Para escolher um bom nome para o seu empreendimento você deve considerar alguns aspectos. O nome precisa ser curto e de fácil assimilação, facilitando a identificação do serviço. Além disso, precisa ser criativo.

4 – Cuidado com questões burocráticas

Chegamos à parte burocrática envolvida na abertura do negócio. Para colocar uma clínica de nutrição em funcionamento, é importante contratar um contador. Ele será o encarregado de elaborar os atos que constituirão a empresa e irá ajudar o empreendedor a escolher a forma jurídica mais adequada para o projeto, além de preencher todos aqueles formulários exigidos pelos órgãos públicos de inscrição de pessoas jurídicas.

Com todos os papéis preenchidos para legalizar a empresa, procure os órgãos responsáveis para as devidas inscrições e registros. Quem pretende empreender nesse ramo precisa estar de olho também nas exigências feitas aos negócios ligados à saúde. O profissional deve pesquisar junto aos órgãos reguladores da categoria para adequar-se à legislação antes de iniciar o negócio.

No próximo post vamos falar mais um pouco sobre outros passos importantes na abertura de uma clínica de nutrição. Tem sugestões ou dúvidas? Envie para a gente pelos comentários!

Anúncios

3 comentários sobre “Como começar sua clínica de nutrição – parte 1

Faça um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s