9 dicas de decoração para o seu consultório de nutrição

Se você é nutricionista e está pensando em abrir ou reformar seu consultório de nutrição, este post foi feito especialmente para você! A decoração do ambiente pode fazer toda diferença, tanto em relação ao seu próprio desempenho, quanto ao bem-estar e bons resultados do seu paciente. Por isso, mãos à obra! Vamos ver aqui dicas e sugestões de decoração para seu consultório de nutrição se tornar um espaço bonito, acolhedor e funcional.

A importância do ambiente e decoração do consultório de nutrição é maior do que muitos imaginam. O resultado – positivo ou negativo – do trabalho do profissional de nutrição começa já na recepção do paciente e se estende a todo tempo de atendimento. Diante disso, tornar o consultório um espaço mais agradável é meio caminho andado para o sucesso de ambas as partes envolvidas: o nutricionista e a pessoa atendida.

9 dicas de decoração para o seu consultório de nutrição

1. Construa uma imagem positiva

A decoração é fundamental para um aspecto que vale para todos os profissionais: a construção de uma imagem positiva, tanto para o nutricionista quanto para a marca do seu consultório. Isto porque, ao cuidar da decoração, você garante que o paciente tenha a percepção de que você o trata com atenção, cuidado e carinho. Então, entenda as despesas com decoração como um investimento em sua reputação.

2. Respeite as determinações legais

Antes de iniciar a decoração, é importante que você conheça as definições da Anvisa e da Vigilância Sanitária para que o seu consultório atenda às legislações vigentes. A partir dai, é hora de escolher os móveis, pensar na sua disposição, levar em conta as combinações de cores das paredes, pisos, móveis e objetos de decoração e decidir o tipo de iluminação. Tudo para garantir que o ambiente esteja sempre organizado, limpo, bonito e, sobretudo, aconchegante.

3. Cuidado com a escolha das cores

Ao escolher as cores, prefira os tons mais suaves – branco, gelo e pastéis – que dão a sensação de amplitude, tranquilidade e conforto. Fuja do amarelo gema de ovo, do vermelho e do marrom porque estas cores remetem à comida e, consequentemente à fome. E este não é um apelo recomendado para um consultório de nutrição, não é mesmo?

4. Estabeleça critérios para escolher o mobiliário

Ao se decidir quanto à mobília, leve em conta os seus principais objetivos no consultório. Para deixar o ambiente convidativo, por exemplo, uma boa saída é usar madeira que proporciona calor e pode ser usada nos móveis e também em painéis na parede. Cuide também dos formatos e desenhos que mais lhe agradam e que sejam tendências no mundo da decoração.

5. Aposte nos detalhes

Objetos decorativos e quadros devem seguir as mesmas tonalidades do resto da decoração e, às vezes, podem dar aquela “quebrada” necessária. Por exemplo, se as paredes, o piso e os móveis forem em tons pastéis, coloque um vazo azul turquesa, com flores coloridas, para darem um “up” no ambiente!

6. Dê atenção à iluminação

A iluminação é um capítulo à parte entre os detalhes de uma decoração. Para consultórios, a iluminação indireta é a mais recomendada, bem como as lâmpadas amarelas para os abajures e lustres. O mercado já oferece lâmpadas amarelas tão econômicas quanto as brancas. Ao escolher as cúpulas das luminárias, cuidado para não deixar o ambiente escuro e triste.

7. Pense bem ao definir o tipo de piso

Para o piso, o porcelanato é uma boa opção, apesar de dificultar um pouco a limpeza. Ele amplia o espaço e combina com os mais diversos estilos. Mas há uma infinidade de outras opções. O jeito é pesquisar muito antes de comprar! E mais uma dica: utilize o mesmo revestimento em todos os ambientes.

8. Tenha o equilíbrio como premissa

Não economize nos objetos de decoração, mas também não exagere. Quadros, flores, peças de artesanato, móbiles, difusores de aromas suaves, relógios, esculturas dão seu toque pessoal ao ambiente.

9. Não subestime as cortinas

Por fim, as cortinas exercem um papel fundamental ao tornar o ambiente mais acolhedor. Os modelos e os tecidos vão depender muito do tamanho e formato das janelas. Mas vale lembrar que tecidos como o linho transmitem uma sensação de aconchego, bem importante para os pacientes que procuram um consultório de nutrição.

Gostou das nossas dicas? Então, para saber outros detalhes que fazem a diferença num consultório de nutrição, continue seguindo nosso blog!

Anúncios

2 comentários sobre “9 dicas de decoração para o seu consultório de nutrição

Faça um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s