Como orientar as famílias sobre introdução alimentar de bebês: Qual o método certo para seguir?

A cada dia que passa tem chegado para nós nutricionistas mais famílias buscando orientação para essa fase de Alimentação Complementar para o bebê. E isso é ótimo, já que infelizmente a maioria dos profissionais pediatras não tem essa formação na área, e acabam não conseguindo orientar corretamente essas famílias.

Hoje muito se fala em “métodos” para Introdução Alimentar, como o Baby Led Weaning (BLW) e a Introdução Alimentar Participativa. E aí, nos vem a PERGUNTA: qual desses métodos é o correto? Qual devo orientar? A RESPOSTA é que não existe “certo ou errado”. A palavra método já traz essa ideia de algo muito engessado, atualmente falamos como propostas de Abordagens diferentes.

Primeiro de tudo é importante escutar essa família, procurar entender um pouco da sua história e sua caminhada até o momento! Algumas famílias já vem decididas a qual abordagem querem seguir, já estudaram sobre! Outras nem ouviram falar nessas duas possibilidades! Converse com a família e respeite suas limitações e opiniões. Não “tente” convencer do melhor!

Além de orientar a questão “prática” da Introdução Alimentar, do que PODE e NÃO PODE para um bebê, é importante orientar o COMO oferecer. Sempre baseado no respeito e empatia pelo bebê. Introdução Alimentar é uma fase de muitas descobertas e precisamos de bastante paciência para superar os “desafios”.

 

Cadastre-se Grátis no DietboxPowered by Rock Convert

Fabíola Frezza Andriola  Nutricionista Materno Infantil CRN 9204

Mãe do Benjamin e Benício

Instagram @nutrifabiola

SiTE: www.saboresdoben.com.br

 

*O texto é de inteira responsabilidade do(a) autor(a) e não reflete a opinião da empresa. O blog é aberto caso outro(a) profissional queira escrever um contraponto.

Deixe uma resposta