Você sabe quem foi Lieselotte Hoeschl Ornellas?

Se você estuda ou já é formado em Nutrição, certamente já ouviu falar de Lieselotte Hoeschl Ornellas. Ela fez parte da primeira geração de nutricionistas no Brasil.

Nascida em Florianópolis, em 1917, decidiu estudar Enfermagem após ler a biografia de Florence Nightingale, enfermeira britânica que ficou famosa por ser pioneira no tratamento a feridos na Guerra da Crimeia.

Se você ficou curioso para saber como uma estudante de Enfermagem tornou-se um nome importante na implantação da área da Nutrição brasileira, continue a leitura!

A trajetória de vida

Foi por meio da leitura da biografia da enfermeira Florence que Lieselotte Hoeschl Ornellas sentiu despertar o desejo em ajudar o próximo. Aos 18 anos, foi para o Rio de Janeiro cursar Enfermagem.

Sua ideia inicial era trabalhar com índios em Goiás. Contudo, ao voltar para a casa dos pais no sul do Brasil, um surto de salmonela fez com que a recém-formada voltasse à capital carioca para estudar Administração de Enfermagem.

Ornellas então ganhou uma bolsa de estudos para cursar Nutrição, na Argentina. Com apenas 21 anos, aceitou o incentivo, mudou de país e deu início a sua nova caminhada profissional.

A jornada em Nutrição

Após terminar a graduação, em 1943, retornou ao Brasil e trabalhou como Instrutora de Nutrição na Escola de Enfermagem Anna Nery (EAN), instituição em que havia conquistado o título de enfermeira.

Quatro anos mais tarde, foi para a Inglaterra realizar um curso de pós-graduação em racionamento alimentar, em consequência da Segunda Guerra Mundial. Depois, foi aos Estados Unidos especializar-se em instrumentos utilizados na área da Nutrição.

Em 1950, sete anos após concluir a segunda graduação e com título de especialista em duas diferentes áreas, foi para a Bolívia trabalhar com as vítimas de uma inundação. Ficava responsável por coordenar a alimentação infantil por meio de fórmulas e leite. Lá, foi condecorada junto à equipe pela missão realizada.

Cadastre-se Grátis no DietboxPowered by Rock Convert

Lieselotte Hoeschl Ornellas colecionou, ao longo da sua vida acadêmica e profissional, o título de membro de muitas associações, como:

  • presidente do Conselho das Alunas da EAN;
  • criadora da Associação de Enfermeiras Diplomadas Brasileiras (ABED/ANED);
  • compôs o conselho técnico-científico da Associação de Nutrição do Estado do Rio de Janeiro;
  • integrante vitalício da British Dietetic Association;
  • fundadora do Núcleo de Pesquisa de História da Enfermagem Brasileira (Nuphebras).

A dedicação desde a primeira graduação, aliada a um perfil preocupado com o valor à vida, fez com que Lieselotte construísse um caminho de destaque. Em 2014, a Associação Brasileira de Nutrição (Asbran) lançou o Prêmio Lieselotte Hoeschl Ornellas, que reconhece o mérito ao nutricionista que, assim como ela, contribui com o desenvolvimento da profissão.

As contribuições para a profissão

Lieselotte morreu em 2017, aos 99 anos, reconhecida como um dos pilares da implantação da Nutrição no Brasil.

Atuou como docente de Técnicas Dietéticas e produziu muitas obras devido aos seus estudos, que são até hoje utilizadas e recomendadas nos cursos de graduação em Nutrição.

Também trabalhou no Hospital dos Servidores do Rio de Janeiro, como chefe do serviço de dietética. Lá, instituiu o ensino da Nutrição, estratégia criada em parceria com o professor Josué de Castro, para o desenvolvimento da profissão de nutricionista.

Devido a sua dedicação com os estudos e a profissão, realizou palestras em congressos e eventos ao redor do mundo durante toda sua carreira.

Os livros publicados

As obras mais famosas da professora são, sem dúvidas, os livros Técnica Dietética — Seleção e Preparo de Alimentos e A Alimentação Através dos Tempos. Além delas, podemos citar Viva em Paz com o Seu Diabetes e Alimentar a Criança — O Desafio do Dia a Dia.

O livro Técnica Dietética, que já está em sua oitava edição, é considerado o mais relevante documento sobre os aspectos, composição química dos alimentos e os impactos na manutenção da saúde. Já Alimentação Através dos Tempos, como o próprio nome sugere, conta a história da alimentação humana, da pré-história até a atualidade.

Como você pôde constatar, a carreira e as obras de Lieselotte Hoeschl Ornellas são peças-chave na formação dos nutricionistas em nosso país. Devemos a ela grande parte do nosso conhecimento teórico adquirido na faculdade.

Se você gostou deste artigo, assine a nossa newsletter e continue recebendo informações valiosas sobre a história da Nutrição!

Deixe uma resposta