Comer muita proteína faz mal?

Essa dúvida é muito comum entre as pessoas, principalmente pensando em saúde renal ou hepática. Hoje sabemos que uma ingestão proteica um pouco acima das recomendações não traz qualquer tipo de prejuízo à saúde em pessoas saudáveis.

Mas um fator muito importante é: existe a necessidade desse consumo mais elevado?

Temos estudos mostrando benefícios para hipertrofia com ingestões entre de 3 ou 4 gramas/kg, (enquanto as recomendações tradicionais ficam entre 1,4 e 2 gramas/kg), porém devemos considerar que muitas pessoas conseguem grandes resultados com ingestões menores.

Ou seja, cada pessoa possui sua capacidade singular de metabolização de proteínas, e cada caso deve ser avaliado individualmente. Saber avaliar e interpretar exames bioquímicos pode ser um caminho. 

Quando ingerimos um pouco mais de proteínas, ocorre um aumento dos níveis de filtração glomerular, uma atividade renal normal, e que nosso organismo é totalmente apto a lidar com essas adaptações quando saudável.

Existem casos onde a restrição proteica é recomendada, como por exemplo, quadros de problemas renais.

Cadastre-se Grátis no DietboxPowered by Rock Convert

Procure um profissional que olhe o individuo pensando em todas as possibilidades possíveis!!

 

Camilla Andrade – Nutricionista Esportiva pela USP

Instagram: @dracamillanutri

Contato: (11) 99891-5181

 

*O texto é de inteira responsabilidade do(a) autor(a) e não reflete a opinião da empresa. O blog é aberto caso outro(a) profissional queira escrever um contraponto.

Deixe uma resposta